dezembro 20, 2019

Molécula de Hidroquinona

Hidroquinona

    Na dermatologia, a <strong>hidroquinona</strong> é utilizada como um agente despigmentante, ou seja para atingir um efeito clareador de manchas.</p><p style="font-size: 14px;"></p><p style="font-size: 14px;">Para muitos médicos dermatologistas a hidroquinona é considerada como a primeira opção no tratamento do <a href="https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/doencas-e-problemas/melasma/13/">melasma</a>. Para outros, porém, é considerada <em>uma medicação perigosa</em>, que deve ser utilizada com muita precaução, em casos específicos, dentro de uma estratégia terapêutica muito clara e específica.</p>     
                <blockquote>
        <p>
            Há muitos anos eu utilizava bem mais a hidroquinona, mas com a evolução dos tratamentos dermatológicos, eu indico apenas para casos selecionados e com um controle bem rígido em relação à posologia e tempo de aplicação.          
                        <footer>
                                        <cite>Fabio Francesconi</cite>
                                                            <a href="https://twitter.com/intent/tweet?text=%3Cspan+style%3D%22color%3A+rgb%2860%2C+72%2C+88%29%3B+font-style%3A+italic%3B+white-space%3A+normal%3B%22%3EH%C3%A1+muitos+anos+eu+utilizava+bem+mais+a+hidroquinona%2C+mas+com+a+evolu%C3%A7%C3%A3o+dos+tratamentos+dermatol%C3%B3gicos%2C+eu+indico+apenas+para+casos+selecionados+e+com+um+controle+bem+r%C3%ADgido+em+rela%C3%A7%C3%A3o+%C3%A0+posologia+e+tempo+de+aplica%C3%A7%C3%A3o%3C%2Fspan%3E.+%E2%80%94+Fabio+Francesconi&amp;url=https%3A%2F%2Fwww.francesconi.med.br%2Fwp-admin%2Fadmin-ajax.php" target="_blank" rel="noopener noreferrer">
                                                                                                                            Tweet
                                                                                                            </a>
                                </footer>
                </blockquote>
        <h4>O que é a Hidroquinona?</h4>        
    <p style="font-size: 14px;">A hidroquinona é uma substância química chamada de dihidroxibenzeno, um composto aromático orgânico, derivado do benzeno pertencente a família dos fenóis.</p>

O nome “hydroquinone” foi criado por Friedrich Wöhler em 1843 que teve seu uso industrial precedendo ao da sua utilização na dermatologia como um agente clareador.

        <h4>Como age a Hidroquinona?</h4>       
    Assim como outros fenóis, a hidroquinona é reativa contra os grupos O-H e participa de dois tipos principais de reação química:</p><ol><li><b>Redox</b> - A hidroquinona sofre oxidação mesmo em condições leves para formar benzoquinona, um processo que é reversível.</li></ol><ol><li><b>Aminação</b> - Uma reação importante é a conversão de hidroquinona em derivados mono ou diamino.</li></ol>     
                <blockquote>
        <p>
            A hidroquinona é uma substância tão reativa, que muitas vezes oxida dentro do tubo do creme, tornando-se acastanhada. Toda vez que o creme ficar acastanhado ele não deve ser utilizado, deve ser descartado, pois não mais funcionará.         
                        <footer>
                                        <cite>Fabio Francesconi</cite>
                                                            <a href="https://twitter.com/intent/tweet?text=%3Cspan+style%3D%22color%3A+rgb%2860%2C+72%2C+88%29%3B+font-style%3A+italic%3B+white-space%3A+normal%3B%22%3EA+hidroquinona+%C3%A9+uma+subst%C3%A2ncia+t%C3%A3o+reativa%2C+que+muitas+vezes+oxida+dentro+do+tubo+do+creme%2C+tornando-se+acastanhada.+Toda+vez+que+o+creme+ficar+acastanhado+ele+n%C3%A3o+deve+ser+utilizado%2C+deve+ser+descartado%2C+pois+n%C3%A3o+mais+funcionar%C3%A1.%3C%2Fspan%3E+%E2%80%94+Fabio+Francesconi&amp;url=https%3A%2F%2Fwww.francesconi.med.br%2Fwp-admin%2Fadmin-ajax.php" target="_blank" rel="noopener noreferrer">
                                                                                                                            Tweet
                                                                                                            </a>
                                </footer>
                </blockquote>
        <h4>Como a Hidroquinona clareia a pele?</h4>        
    A hidroquinona atua de forma ativa para <strong>diminuir a produção de melanina pelo melanócito</strong> por mecanismo de degradação. Causa auto-oxidação da melanina, da tirosinase (enzima fundamental para a produção de melanina) e de fenóis-oxidases em espécies de radiais livres de oxigênio, de semi-quinonas e quinonas.</p>      
        <h5>Em conjunto, estas substâncias impedem a formação de nova melanina.</h5>        
                <blockquote>
        <p>
            Apesar de oficialmente classificada como substância clareadora, na prática, a sua ação é de impedir nova pigmentação. Se o desejado for de fato o clareamento devemos utilizar o laser, que realmente destrói o pigmento indesejado         
                        <footer>
                                        <cite>Fabio Francesconi</cite>
                                                            <a href="https://twitter.com/intent/tweet?text=Apesar+de+oficialmente+classificada+como+subst%C3%A2ncia+clareadora%2C+na+pr%C3%A1tica%2C+a+sua+a%C3%A7%C3%A3o+%C3%A9+de+impedir+nova+pigmenta%C3%A7%C3%A3o.+Se+o+desejado+for+de+fato+o+clareamento+devemos+utilizar+o+laser%2C+que+realmente+destr%C3%B3i+o+pigmento+indesejado+%E2%80%94+Fabio+Francesconi&amp;url=https%3A%2F%2Fwww.francesconi.med.br%2Fwp-admin%2Fadmin-ajax.php" target="_blank" rel="noopener noreferrer">
                                                                                                                            Tweet
                                                                                                            </a>
                                </footer>
                </blockquote>
    <h5 style="color: #3c4858;">Independente da filosofia do <strong>Dermatologista</strong> a hidroquinona é muito utilizada mundialmente e também no Brasil. É usada de muitas formas e na grande maioria das vezes em combinação com outros compostos para melhorar a capacidade clareadora do creme, para diminuir a irritação causada pelo produto ou para melhorar a proteção contra a exposição solar.</h5>      
        <h4>Por que a minha pele se irrita com a Hidroquinona?</h4>     
    Um dos grandes problemas da hidroquinona é a sua alta capacidade de causar dermatite de contato por irritante primário ou dermatite de contato alérgica. Diferenciar estas duas condições dermatológicas não é o objetivo do texto, mas sim alertar para o risco da pele ficar vermelha, irritada, com ardência ou vontade de coçar.</p>        
                <blockquote>
        <p>
            Toda vez que a pele ficar vermelha durante o tratamento, ela estará mais propensa para pigmentar. Em resumo, clarear às custas de irritação eleva em muito o risco de retorno do melasma.           
                        <footer>
                                        <cite>Fabio Francesconi</cite>
                                                            <a href="https://twitter.com/intent/tweet?text=Toda+vez+que+a+pele+ficar+vermelha+durante+o+tratamento%2C+ela+estar%C3%A1+mais+propensa+para+pigmentar.+Em+resumo%2C+clarear+%C3%A0s+custas+de+irrita%C3%A7%C3%A3o+eleva+em+muito+o+risco+de+retorno+do+melasma.+%E2%80%94+Fabio+Francesconi&amp;url=https%3A%2F%2Fwww.francesconi.med.br%2Fwp-admin%2Fadmin-ajax.php" target="_blank" rel="noopener noreferrer">
                                                                                                                            Tweet
                                                                                                            </a>
                                </footer>
                </blockquote>
        <h4>Quais são os riscos do uso crônico da Hidroquinona?</h4>        
    A irritação da pele nós já discutimos e pode ser causada por diferentes tipos de alergia.

O grande problema é a segurança a longo prazo, pois a hidroquinona pode causar duas complicações irreversíveis na pele:

  1. Ocronose exógena – é uma pigmentação irreversível da pele causada por um depósito de uma substância de cor azul-acinzentada;
  2. Leucodermia em confetti – é a formação de pontos brancos, da cor do vitiligo que também não tem tratamento eficaz.

Os riscos são tão reais, que em alguns países como o Japão e na África do Sul, o uso da hidroquinona é proibido ou restrito.

Mais informações podemos ler neste artigo. E acreditem que a semelhança de títulos foi pura coincidência!!! 

                <h3>
                        Hidroquinona
                        para quem usa
                </h3>
                <ul>
                        <li >
                                    Se a pele ficar vermelha pare de usar
                                </li>
                            <li >
                                    Se o creme escurecer não use, não vai funcionar
                                </li>
                            <li >
                                    Nunca usar por mais de 08 semanas consecutivas
                                </li>
                            <li >
                                    Parar se surgir novas manchas claras ou escuras
                                </li>
                            <li >
                                    Nunca use sem orientação do seu dermatologista
                                </li>
                    </ul>

​Sobre o Autor

Fabio Francesconi

Médico dermatologista e professor que tem como missão divulgar o conhecimento médico para empoderar alunos e pacientes. Mais do que tratar doenças é cuidar para nos sentirmos bem.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>
WhatsApp chat